História

Imprimir

A Aeronáutica na USP de São Carlos teve inicio em 1973 com a formação de um grupo de trabalho para o projeto e construção de uma aeronave leve para instrução básica, com a denominação IPAI-26 – TUCA. Parte deste grupo deu origem em 1978 ao Laboratório de Aeronaves, LAE, no Departamento de Engenharia Mecânica da Escola de Engenharia de São Carlos. O objetivo do LAE era dar suporte à Ênfase em Aeronaves, do curso de Engenharia Mecânica como, desenvolver pesquisas e prestar serviços nesta área. Foram formados mais de 200 engenheiros mecânicos com especificação em aeronáutica, que atuam em áreas como a manutenção de aeronaves em companhias aéreas, o gerenciamento das atividades aeronáuticas em órgãos públicos como a Infraero e o projeto de veículos aeroespaciais ou aeronáuticos em empresas como a EMBRAER.

Com a criação do curso de Engenharia Aeronáutica da USP, e a conseqüente ampliação das linhas de pesquisa, foi formado o NPA, Núcleo de Pesquisas em Aeronáutica. O núcleo possui instalações próprias que incluem secretaria, biblioteca, laboratórios com equipamentos de ultima geração.Possui ainda uma aeronave completa e túneis de vento, entre eles um túnel de circuito fechado com seção de 2 m2 e velocidade de 50m/s. As novas instalações do NPA no Campus II da USP / São Carlos, a serem concluídas em 2004, compreenderão uma área de 8000 m2.

O NPA goza de elevado reconhecimento na comunidade de engenharia aeronáutica nacional e internacional. Além de oferecer as disciplinas de conteúdo aeronáutico do curso de Engenharia Aeronáutica, o núcleo oferece formação de mestrado e doutorado junto ao Programa de Pós-Graduação em Engenharia Mecânica da EESC/USP. O NPA ainda assiste a indústria aeronáutica nacional, através do desenvolvimento de pesquisa em parceria com empresas, em particular, com a EMBRAER.

alt               

Página em construção.

Por favor aguarde.